quinta-feira, 1 de julho de 2010

Não sei



O resgate de palavras.
O remendo de falhas.
O mal do século.
O furo da folha que range.
O escuro dos olhos gemidos.
O tempo sem mais você
      é um tempo perdido.

Um comentário: